Últimas Notícias
Brasil

Tio e primo são presos por estuprarem menina de 12 anos no Marajó

Dois homens foram presos pela Polícia Civil (PC) nesta quinta-feira (15), por estuprarem uma jovem de 12 anos, no município de São Sebastião da Boa Vista, região do Marajó. Eles estão ligados ao caso onde uma criança de 6 anos foi assediada sexualmente por três homens da mesma família. A Polícia Civil confirmou a participação de outros dois suspeitos no estupro de uma outra menina.

Após investigações, a vítima contou aos policiais que também foi abusada pelo próprio avô e o tio. Eles estão presos desde a última sexta-feira (10), por envolvimento no caso da criança de 6 anos. Em seguida, a menina mais velha foi disse que, também, era violentada por outro tio e um primo.

Um juiz da Comarca de São Sebastião, que não teve o nome divulgado, expediu os mandados de prisão preventiva no mesmo dia. As equipes da PC se dirigiram até a Vila Estância, localizada no rio Pracuuba Grande, e prenderam os dois homens.

Desde a última quarta-feira (8), cinco pessoas foram presas por estuprarem a criança e a garota menina de 12 anos. Todos foram encaminhados para a delegacia da cidade. Eles responderão pelos crimes de estupro de vulnerável, crime que descreve a prática de conjunção carnal ou outro ato libidinoso com menor de 14 anos, sob pena de reclusão de 8 a 15 anos. Entretanto, só será estimada a partir da avaliação do juiz.

As vítimas estão recebendo atendimento psicológico e de assistência social por meio de uma unidade do ParáPaz, na cidade de São Sebastião da Boa Vista.

Relembre o outro caso

O caso chegou ao conhecimento da Delegacia de São Sebastião da Boa Vista na quarta-feira (8), por meio de informação repassada pelo Conselho Tutelar do Município. De acordo com o boletim registrado na delegacia, a criança, de 6 anos de idade, teria sido vítima de abuso sexual praticado por seu padrasto.

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: O liberal



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário