Últimas Notícias
Brasil

TRE vai ampliar horário de atendimento da Justiça Eleitoral a partir de hoje

Artistas, influenciadores digitais e órgãos de comunicação aderiram aos chamados da Justiça Eleitoral, em todo o país, para que a população regularize ou tire o título de eleitor até o fim do prazo, no dia 4 de maio. Isso não significa que as campanhas e ações institucionais pararam. O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) informa que a partir desta segunda-feira (18) vai ampliar o horário de postos de atendimento, de 8h às 13h, para de 8h às 15h. E nos três últimos dias até o fim do período – 2, 3 e 4 de maio – o horário será estendido às 17h.

Há mais de 150 mil eleitores irregulares somente em Belém (Igor Mota/O Liberal)

 “Além disso, se houver necessidade, caso haja uma fila que exceda a capacidade de atendimento do posto, os eleitores que estiverem na fila serão todos atendidos, a partir do recebimento de uma senha que lhes dão a garantia de que poderão voltar no prazo de até 10 dias úteis, depois do fechamento, para receber o atendimento. O Tribunal também vai ampliar o atendimento com a contração de 225 pessoas para atuarem em todo o Estado”, destaca o diretor geral do TRE do Pará, Felipe Brito.

Em Belém, de acordo com o diretor, há mais de 150 mil eleitores irregulares, o que pode ser considerado um número expressivo. “A capital tem hoje 1 milhão e 42 mil eleitores, e exatamente 157 mil e 660 eleitores irregulares. É a cidade com o maior número de eleitores irregulares, seguida por Ananindeua. Respeitando a proporcionalidade, depois vem Santarém, Parauapebas e Marabá. São esses os municípios que guardam o maior número de eleitores irregulares em números absolutos, mas os números se pulverizam em todo o estado, seguindo uma proporcionalidade do eleitorado, número que gira entre 8 a 10% do eleitorado”, calcula.

Apesar da preocupação com aqueles que ainda não estão em dia com a Justiça Eleitoral, Felipe Brito aponta que a procura dos jovens pelos postos de atendimento está crescendo, o que deve resultar em alta do número de jovens eleitores no pleito de 2022. “A procura de jovens aumentou significativamente nos últimos meses em especial devido as campanhas conduzidas tanto pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com a participação de personalidades na imprensa de uma maneira geral, mas também com as ações específicas que o TRE do Pará tem feito dentro das ações itinerantes. Nesse sentido, o Tribunal tem feito uma quantidade expressiva de atendimentos itinerantes. O número de novos eleitores passa de 40%, considerando que há três operações básicas: a operação de alistamento, que é a primeira via do título; a operação de transferência e a operação de revisão. A operação de alistamento é a que tem a maior procura, seguida pela operação de regularização e, por último, a de transferência, que acaba não gerando um aumento no eleitorado do estado”, explica.

Como consultar se está com o cadastro eleitoral regular

O TRE orienta a quem quer saber se está regular com a Justiça Eleitoral que procure qualquer um dos 84 cartórios eleitorais que existem e nos mais de 25 postos de atendimentos que ficam nos municípios onde não há cartórios. “Mas a pessoa também pode fazer essa consulta pelo Disque Eleitor (91) 3346-8100, de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h, ou pode ainda consultar a sua situação através da internet, pelo site do TRE, pelo site do TSE, ou ainda usando o aplicativo E-título, que em tempo real demonstra a situação de cada um dos eleitores", orienta Felipe Brito.

Caso observe que a situação está irregular, que existe algum tipo de pendência, aí sim o eleitor deve procurar um atendimento. "Mas caso seja apenas uma questão de regularização, de mudança ou de atualização de nome, por exemplo, é possível fazer isso pela internet, pelo Título Net, que é uma ferramenta disponível no site do TRE do Pará, assim como no portal do TSE, sem precisar ir até o cartório eleitoral. Se não tiver acesso à internet, pode comparecer ao cartório”, completa Brito.

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: O liberal



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário