Últimas Notícias
Brasil

Mais de mil agentes de segurança pública reforçam as ações na Operação Semana Santa 2022

Trinta e oito localidades do Estado receberão reforço nas ações de segurança durante a Operação Semana Santa, que se inicia nesta quinta-feira (14), e finaliza somente na segunda-feira (18). Ao todo, serão 1.011 agentes de segurança de órgãos estaduais e municipais atuando de forma integrada em 38 localidades na operação que é coordenada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).

Foto: Marco Santos / Ag. Pará

As principais ações estratégicas da operação visam garantir a segurança das pessoas e patrimônio; coibir o excesso de velocidade nas principais vias e rodovias; fiscalizar e advertir quem realizar ultrapassagem imprudente e direção sob o efeito de álcool, além de intensificar a fiscalização de trânsito na saída e entrada da capital e ao longo das rodovias estaduais e federais.

A Segup, junto com os órgãos do Sistema de Segurança Pública (Sieds), montou um planejamento que abrange todas as localidades que recebem grande número de pessoas nos municípios do Estado. Ao todo serão 38 localidades que receberão reforço de efetivo policial, pontuou o secretário-adjunto operacional, Cel Alexandre Mascarenhas.

"Os servidores vão reforçar o policiamento nas localidades, além de monitorar as estradas, para diminuir cada vez mais o número de acidentes e vítimas nas estradas paraenses. Em todas as localidades incluídas no planejamento serão montados policiamentos integrados para que possamos atender as demandas e trazer maior segurança possível para os paraenses e turistas que visitam o Estado nesta época do ano. Mais de 1.000 agentes sairão da capital para reforçar as ações no interior", afirmou o Cel Mascarenhas.

Com o feriado prolongado, muitas pessoas devem deslocar-se para municípios do litoral paraense. Como para um dos lugares mais procurados do Estado, o município de Salinópolis, onde será ativado o Centro Integrado de Comando e Controle, de onde são coordenadas as ações dos órgãos.

A operação Semana Santa reunirá agentes do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran-Pa), Polícias Militar e Civil, Grupamento Fluvial (Gflu), Corpo de Bombeiros Militar, Centro Integrado de Operações (Ciop), Disque Denúncia, Polícia Científica do Pará (PCE), Guarda Municipal de Belém, entre outros órgãos que atuarão de forma integrada.

Efetivo

A escala integrada da Operação conta com 468 agentes da Polícia Militar, 203 Policiais Civis, 334 Bombeiros Militar, além de Agentes do Departamento de Trânsito, Grupamento Fluvial, Guarda Municipal de Belém, entre outros órgãos que atuarão em conjunto.

RMB - Na Região Metropolitana (Belém, Ananindeua, Marituba, Benevides e Santa Bárbara), a Segup irá desenvolver atividades de fiscalização nos bairros e principais vias da capital, além dos balneários e praias, como em Mosqueiro, Outeiro, além da Ilha de Cotijuba.

Ainda na capital, um destino bastante procurado são as ilhas, sendo a principal a do Combú, com muitos estabelecimentos comerciais, nas áreas que vão contar com equipes do Grupamento Fluvial (Gflu), Polícia Civil e Corpo de Bombeiros para reforçar a segurança.

"Aqui na capital o Policiamento vai ser reforçado por meio das ações da Polícia Militar que investe na jornada extraordinária, comprando a folga dos agentes de segurança, para atuarem nos feriados prolongados, além do reforço nas Delegacias de Polícia Civil. Vamos reforçar também a atenção com todas as manifestações culturais, como a Malhação de Judas que ocorre no bairro da Cremação e reúne um grande número de pessoas. O perímetro do local será interditado para que a ordem e segurança sejam mantidas. Portanto, de uma forma geral, o planejamento já está feito e a intenção é garantir a segurança da população tanto no interior quanto na RMB ”, concluiu o secretário adjunto de operações.

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: Agência/PA



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário