Últimas Notícias
Brasil

Denúncia ao Ciop permite à polícia identificar e prender em poucas horas suspeito de homicídio

Após denúncia por meio do canal 190, do Centro Integrado de Operações (Ciop), vinculado à Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), na tarde deste domingo (30), uma equipe da Polícia Militar identificou e prendeu um homem acusado de matar uma mulher pela manhã, no município de Barcarena, na região do Tocantins.

Foto: Bruno Cecim / Ag.Pará

A equipe do 2º Batalhão da Polícia Militar foi acionada imediatamente, e conforme dados apurados via denúncia, foi possível capturar o suspeito que estava em um shopping no bairro Batista Campos, em Belém. O homem foi autuado e levado para a Seccional de São Brás.

Os canais de denúncia são umas das ferramentas ao alcance da população, e de auxílio à segurança pública para identificar suspeitos, e até mesmo ajudar a elucidar crimes, ressaltou o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado.

“Nossos canais de denúncia estão disponíveis 24 horas para a população, sendo de fundamental importância, como nesse caso específico, que os cidadãos possam nos ajudar a identificar suspeitos, e até mesmo nos ajudar a solucionar crimes. O Ciop funciona 24 h, e nossas equipes estão preparadas para atender de forma célere. Com a denúncia feita hoje foi possível encontrar o suspeito rapidamente, e assim ajudar a Justiça, para que à criminalidade e o atentado contra a vida do outro não fiquem impunes”, afirmou o secretário.

Sem interrupção - O Centro Integrado de Operações funciona de forma ininterrupta, durante toda a semana, com o serviço de pontos focais das forças de segurança do Estado. Também conta com o trabalho de servidores civis, em escalas e turnos de seis horas por dia, em ambiente de acesso restrito.

Além da Região Metropolitana de Belém (RMB), o Ciop está presente no interior, por meio dos Núcleos Integrados de Operações (Niops). O Centro Integrado opera pelo canal 190, e atende chamadas de urgência e emergência, e garante o sigilo das informações.

 

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: Agência/PA



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário