Últimas Notícias
Brasil

Ourém: Drag Queen de Ourém representa o Norte em evento de performance

A representatividade e a quebra de tabu serão dois pontos levantados por Scarlety Queen, que tem apenas 18 anos e fará sua grande estreia nos palcos durante o concurso ‘Top Drag 2021’, que será realizado neste domingo (19). Ela, que é natural de Ourém, no nordeste paraense, é a única representante do município entre as 15 candidatas que vão participar deste que é um dos maiores concursos de Drag Queen do Estado.

Scarlety Queen (Reprodução / Baia Fotografia)

Um dos maiores sonhos da jovem era conseguir fazer um show bem produzido e, agora, ela está prestes a realizá-lo. A performer se monta desde os 14 anos e revela que começou a se maquiar como uma espécie de brincadeira com as amigas, porém, viu ali o seu verdadeiro ‘eu’ e uma motivação diária para correr atrás do que deseja.

Scarlety deixou a família na cidade natal e veio morar sozinha em Belém este ano, trazendo na bagagem: a vontade de investir ainda mais na carreira. “Ser drag pra mim é o que me faz levantar da cama todos os dias pra correr atrás dos meus sonhos. Eu quero muito um dia ser conhecida em todo o Brasil pelo o que eu faço. Estou nervosa, mas me sinto lisonjeada em participar do concurso”, para o qual, ressalta, contou com o apoio da Prefeitura de Ourém.

“Eu me sinto muito acolhida pela população de Ourém, que sempre me apoiou muito. Então é uma honra poder levar o nome da minha cidade cada vez mais longe", complementou.

Resistência

A participante relata que sempre foi uma criança considerada ‘afeminada’ e, por isso, sentia vergonha e medo de se mostrar verdadeiramente às pessoas por receio de sofrer preconceito. Quando se assumiu homessexual, ainda muito nova, ela revela que foi um momento muito delicado para a família.

“Quando a 'Scarlety' começou a aparecer eu ainda não tinha um nome de drag, aí os meninos da minha sala começaram a me chamar de “Scarlety”. Eu logo de cara adotei o nome pra mim, ainda mais porque tinha referência com o meu nome “Carlos”. Foi por conta dela que eu encontrei novamente um motivo para sorrir, sonhar e viver”, afirmou.

Top Drag 2021

O concurso, considerado como um dos maiores do Norte, este ano reunirá 15 candidatas da capital e do interior do Estado, que disputarão um prêmio de R$ 10 mil. Além do valor em dinheiro, a ganhadora irá receberá coroa e faixa. O evento terá a participação do humorista Bob Fly, como padrinho da festa, e de Jeff Luz, o padrinho LGBTQIA+.

A diretora da Secretaria de Estado e Justiça de Direitos Humanos (Sejudh), Janaína Renée, e a empresa Kastelly Top Flúor, serão as madrinhas do concurso, que também terá a presença da Miss Beleza T Pará, Isabela Santorine, e de Adrianna Rhyandra, a Miss Pará Gay Competition.

 “A importância do evento para a população LGBTQIA+ em si está no resgate da arte Drag que, por tanto tempo, esteve esquecida, mas, sempre deu valor e credibilidade as nossas artistas, que são tão talentosas e profissionais”, afirma Sachenka, coordenadora do concurso.

Os jurados vão avaliar a performance, o cenário, bailarinos, figurinos e a make de cada candidata.

Confira a lista das participantes:

Ares Estrelar

Ashley Evans (Abaetetuba)

Gigi Hibrida Bolero

Karina Prado

Lauanny Hills

Monique Lafon

Rafaela Lira

Russa Campos

Sasha Lira

Scarlety Queen (Ourém)

Tamara Tijuca Sallo ( Cametá)

Theodora Lakshimy (Tucuruí )

Tristan Saledade

Valentina Milano ( Abaetetuba)

Yasmin Lira

Local do evento: Sede do Grêmio Recreativo Império de Samba 'Quem São Eles’,  Travessa Almirante  Wandenkolk, 680.

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: O liberal



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário