Últimas Notícias
Brasil

Cacaio fala de jogos fora de casa e meia quer pés no chão

Com 83,3% de aproveitamento nos oitos jogos disputados pela Série D do Brasileiro até aqui, o Castanhal segue invicto na busca pela vaga à próxima fase da competição. A equipe aurinegra soma seis vitórias e dois empates e conta com o segundo melhor ataque do torneio nacional com 17 gols. Para o meia Lukinhas, a equipe está em evolução e diz que é preciso pés no chão.

 Foto: Jivago Lemos/Castanhal

"Fico feliz pela última partida e pelos três pontos. Acredito que estamos em uma crescente muito boa e estamos mantendo um bom ritmo. Temos coisas para ajeitar, mas é sempre bom consertar da forma que vem sendo, que são com vitórias. No mais, é parabenizar o que o grupo vem fazendo. Estou feliz por ter marcado e espero que seja o primeiro de muitos. Espero dar sequência para ajudar meus companheiros a sempre estar buscando os resultados positivos. É procurar se impor, dentro de casa principalmente. É continuar com os pés no chão, um correndo pelo outro e dar continuidade no trabalho que tudo dará certo"

Administrar um elenco invicto em uma competição nacional não deve ser tarefa fácil. A boa fase do Castanhal cogita a equipe a não somente chegar ao mata-mata, mas chegar como favorita na busca da classificação à Série C do Brasileiro em 2022. O técnico Cacaio comentou sobre a atenção voltada para o ego dos jogadores e quer concentração da equipe para chegar forte nas próximas fases.

"Vamos trabalhar acima do nosso ego, dos nossos erros, acertos, para a gente buscar sempre melhorar ainda mais. A intenção é sempre estar ganhando. Temos a intenção de formar um grupo vencedor, porque daqui a pouco começa o mata-mata e é a hora que irá valer. Temos que entrar forte nos jogos e continuar trabalhando firme para conseguir os nossos objetivos". 

O Japiim da Estrada terá duas difíceis missões nas próximas rodadas. Jogando ambas fora de casa contra o lanterna, Atlético Acreano-AC, e o Ypiranga-AP, respectivamente, Cacaio fala sobre rodangem do elenco, o que vai gerar um descanso maior para que aqueles jogadores que estão atuando com maior frequência cheguem mais interinos na segunda fase.

"Temos condições de jogar fora de casa e buscar os resultados positivos. Claro que é mais difícil, mas vamos avaliar os jogadores e colocar jogadores que estão mais descansados para dar um gás a mais na equipe e conseguir essas duas vitórias lá fora", finalizou.

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: Dol



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário