Últimas Notícias
Brasil

Acidente com torre de transmissão deixa seis mortos e 13 feridos no Pará

Um acidente com uma torre de transmissão de energia elétrica deixou seis pessoas mortas e outras 13 feridas na tarde desta sexta-feira (6), entre os municípios de Anapu e Pacajá, no sudeste do Pará. A Secretaria Municipal de Saúde de Pacajá informou que a estrutura estava sendo construída na comunidade Bom Jardim, quando despencou com os trabalhadores. Ainda não há maiores informações sobre o estado de saúde dos feridos. Um vídeo que mostra o local do acidente foi gravado por testemunhas. 

Imagem/watts zap

Cinco vítimas morreram na hora do acidente, e uma ainda chegou a ser socorrida e encaminhada ao hospital municipal, mas morreu ao dar entrada na unidade de saúde. O Centro de Perícias Científicas Renato Chaves (CPCRC) foi acionado para fazer a remoção dos corpos. Já os feridos foram levados para o mesmo hospital e, depois, transferidos para o Hospital Regional da Transamazônica, em Altamira.

No momento da queda, havia mais de 20 pessoas trabalhando na torre, segundo informações de testemunhas. A estrutura ainda não estava energizada quando o acidente aconteceu, o que pode ter evitado que mais pessoas perdessem a vida. Vídeos gravados por moradores locais mostram a grande movimentação e a chegada de ambulâncias no hospital de Pacajá. Até o momento desta publicação, nenhuma das vítimas havia sido identificada.

O governador Helder Barbalho prestou solidariedade às vítimas e aos familiares, em comunicado divulgado em suas redes sociais. "O Governo do Estado está dando toda assistência ao município de Pacajá, que fica próximo ao local do acidente. Corpo de Bombeiros e Polícia Militar atuam na área, e as vítimas estão sendo encaminhadas para o Hospital Regional da Transamazônica, em Altamira", disse.

Em nota, a prefeitura de Pacajá lamentou o ocorrido e disse que as vítimas eram funcionárias da empresa SK. "Gostaríamos de informar que já entramos em contato com o governador do Estado, e ele disponibilizou todos os leitos do Hospital Regional para atender a todos os feridos. Nos solidarizamos com as famílias que neste momento perderam seus entes queridos", concluiu a nota.

Inicialmente, as informações divulgadas pela Secretaria de Saúde de Pacajá diziam que havia sete mortos e cinco feridos. No entanto, a reportagem entrou em contato com o titular da secretaria, Bruno Danglares Araújo Souza, que informou que as primeiras informações estavam desencontradas, e que na verdade foram seis mortos e 13 feridos. A reportagem tenta fazer contato com a empresa SK, mas até o momento, ainda não obteve sucesso.

Da Redação/Viva Notícias
Fonte: O liberal



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário